terça-feira, 26 de julho de 2011

Ensinamentos


  Durante toda a nossa vida, desde pequenos, nos dão avisos do que devemos ou não fazer : "Não fales com estranhos" , "Não apanhes boleia de ninguém que tu não conheces" , "Não vás para longe daqui" , "Não chegues tarde" , "Anda sempre com os teus amigos" , "Não fumes, não bebas ..." , "Não demores muito" , "Telefona quando lá chegares" , etc !
  Esses conselhos já nós sabem de cor mas, quem nos ensina como sabemos se "aquela pessoa" é realmente nossa amiga ou não ? Quem nos é capaz de dizer se "aquele rapaz" nos ama realmente ou não ? Quem sabe se a "nossa melhor amiga" estará sempre connosco em todas as alturas e não nos irá abandonar nunca ? Quem nos diz se aquele nosso grande amigo afinal não nos está a usar para seu beneficio próprio ?
  Isso, que nos magoa realmente e é capaz de provocar consequências tão grandes como as outras, ninguém nos ensina !
  Os ensinamentos ditos são para o nosso bem, e isso não está em causa, porque consequências graves podem surgir daí como pedofilia, rapto e mortes, coma alcoólico (...)
  Mas as traições, as trocas, o "usas" e "deitas fora", as mentiras, as desilusões (...) tudo isso pode provocar em muitas das vezes até a morte e depressões ! Mas isso ninguém nos avisa ! Ninguém nos sabe dizer se os nossos melhores amigos serão mesmo os "para sempre" , ninguém nos ensina como não sermos afectados pelas "bocas" dos outros, ninguém nos ensina a lidar com o sofrimento que as "amizades" que acabam nos podem fazer !
  Ninguém nos ensina isso porque ninguém foi ensinado ! Ninguém sabe a resposta , são apenas incógnitas que nunca serão descobertas ! Temos de aprender por nós mesmos, por muita mágoa e lágrimas que isso provoque, é assim que tem de ser !

30 comentários:

  1. obrigada querida, tambem estou a seguir :)

    ResponderEliminar
  2. obrigada mais uma vez *.*
    o teu é que está mesmo bem ! e é verdade, essas coisas, (in)felizmente, temos que aprender por nós mesmo .. mas vais ver, no fim, compensa. é um caminho que temos que percorrer (:

    ResponderEliminar
  3. e fazeres a operação? não era mais fácil?

    ResponderEliminar
  4. obrigada princesa, sigo.*

    ResponderEliminar
  5. a sério?! :o pode ser que um dia te encontre (:

    ResponderEliminar
  6. então quando vieres diz algo princesinha!

    ResponderEliminar
  7. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  8. ainda não tenho nada.. deve ser problema do msn, está todo atrofiado. obrigada princess*

    ResponderEliminar
  9. obrigada, também sigo. amei o texto (;

    ResponderEliminar
  10. claro que tenho, fica sempre bem querida *

    ResponderEliminar
  11. Verdade, não temos outro remédio senão aprender com a vida e os próprios erros. Depois, vêm as desilusões, as frustrações, mas o que vale é que ainda nos vamos surpreendendo pela positiva com algumas pessoas :)

    ResponderEliminar
  12. Sendo assim, de nada ^^
    o teu blog também esta muito bonito, escreves muito bem :$

    ResponderEliminar
  13. somos as duas, então (a)

    ResponderEliminar
  14. Infelizmente é verdade querida :c
    Gostei bastante.

    ResponderEliminar
  15. Obrigada. :$
    A sério, obrigada mesmo.
    Comigo acontece o mesmo, se precisares de desabafar "olá, eu sou a Adriana".
    Se quiseres o numero de tlm ou mail, é só pedires.me, por aí é mais fácil :$

    ResponderEliminar
  16. Só espero que sim querida (:

    ResponderEliminar
  17. ai querida nem sei como te agradecer, a sério.
    isto está a ser uma fase mesmo dificil para mim e toda a ajuda é bem vinda. Muito Obrigada pelas tuas palavras vou falar com ele e vamos tentar arranjar uma solução para isto .. se por acaso nao encontrarmos acho que o melhor é não continuarmos juntos.. estou a seguir também querida <3

    ResponderEliminar
  18. lindo :) É verdade as desilusões, as trocas, os "usas" magoam mesmo muito, mas eu acho que toda a gente é forte ao ponto de ultrapassar isso, e "cagar" para as pessoas que nos magoaram...

    ResponderEliminar
  19. Concordo. é com as experiencias que as pessoas crescem e aprendem n.n

    ResponderEliminar